Solução Blockchain dá suporte a rede de medicamentos N2Med Ledger

Acompanhe a matéria da TI Inside Comunicações, sobre a N2Med.

Batizada de N2Med Ledger, a nova rede tem como base uma solução Blockchain desenvolvida pelo CPQD, com o apoio da EMBRAPII, do SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e da N2M-I Technology Ventures. “O foco inicial da N2Med Ledger são os medicamentos em risco de expirar o prazo de validade”, afirma Lourran Carvalho, farmacêutica pesquisadora e idealizadora do projeto. Segundo ela, estudos indicam que o setor de saúde pública poderia poupar pelo menos R$ 1 bilhão por ano, ao evitar o vencimento do prazo de validade dos medicamentos.

Na N2Med Ledger, as organizações cadastradas (farmácias, hospitais, laboratórios e entidades sociais) podem realizar a troca, empréstimo ou doação de medicamentos liberados pela Anvisa. Lourran destaca que tudo é feito com base em regras estabelecidas por consenso em contratos inteligentes.

Leia a matéria completa!

Deixe uma resposta